Hoje o nosso maior empreendimento são os nossos filhos

Isaac Viciosa, reconhecido atleta espanhol, conta neste testemunho recentemente publicado na imprensa a importância que a família teve no seu percurso profissional.

Em 1994 foi vice-campeão europeu de 1500 m, campeão de Espanha da mesma modalidade, e estabeleceu um nove recorde nacional dos 3000 metros em pista coberta. Nos Jogos Olímpicos de 1996 acabou em 6º lugar nos 5000 metros. Ganhou 4 edições da prestigiada corrida de São Silvestre (três delas consecutivas de 2000 a 2002). Isaac Viciosa é um dos muitos atletas espanhóis que encontrou na sua vida cristã e na mensagem dos santos uma fonte de sentido para a sua realização pessoal. É supranumerário do Opus Dei.

– Como recordas os primeiros anos que dedicaste ao desporto?

Com a sensação de não ter podido passar muito tempo com os meus pais e irmãos porque, além das minhas obrigações como desportista, ainda acrescia o facto de estar a 100 km de distância, visto que eles viviam na província de Palencia e eu estava aqui em Valladolid. Mas o desporto ajudou-me a conhecer novos amigos e a ter uma família.

– Teve influência na tua própria família?

Desde o princípio a minha namorada aceitou que tínhamos que ter uns horários e actividades muito restringidos. Tive a sorte de ela entender e facilitar.

– Como é a tua família actual?

Numerosa, temos 5 filhos que consideramos os nossos grandes tesouros.

– Ter 5 filhos não é habitual…

Pois não. Tanto a minha mulher como eu tínhamos, já desde o tempo de namoro, a ideia de ter vários filhos. E mesmo que ao princípio tenhamos tido que nos adaptar a que a sua presença mudasse particularmente a minha forma de vida, porque alterou os meus horários rigorosos e os meus descansos, conseguimos, e hoje pensamos que a nossa principal missão na vida não é o trabalho ou a vida social, mas sim colaborar em levá-los adiante e, mesmo que isso implique mais esforço, também dá a satisfação de saber que são parte de nós. Hoje o nosso maior empreendimento são os nossos filhos.

– A família é o suporte da sociedade?

Sem dúvida. A família é o espaço onde a criança se vai desenvolver como pessoa, vai crescer feliz, e se vai formar em todas as suas qualidades, onde vai ser amada e manter-se protegida. O nosso maior empenho como pais é que os nossos filhos tenham uma infância feliz. Acho que isso se pode encontrar em todas as famílias.

– Quais são os benefícios de ter uma família?

Quando se ama uma pessoa, casa-se, e esse amor dá fruto nos filhos, encontra-se a felicidade. Mesmo que alcances grandes triunfos profissionais ou sociais, se não te sentires amado, consideras-te um fracassado. Portanto é fácil concluir que é dentro da família que encontras todos os elementos para seres feliz. E todos procuramos o caminho da felicidade, portanto devemos salvaguardá-la e protegê-la. Se as pessoas acreditassem seriamente nisto, algumas ideias que surgem hoje em torno da palavra “família” não teriam lugar.

www.opusdei.org

Tradução, para a Aldeia, de Maria Francisca Chaves Ramos